Produção de aço do Brasil cai 11,7% em maio

A produção brasileira de aço bruto caiu 11,7 por cento em maio na comparação com o mesmo mês de 2011, para 2,887 milhões de toneladas, informou nesta quarta-feira a Associação Mundial de Aço.

REUTERS

20 de junho de 2012 | 11h00

Com isso, a produção acumulada de janeiro a maio pelo setor no país soma 14,64 milhões de toneladas.

Este volume representa um recuo de 1,2 por cento sobre o mesmo período de 2011, em meio a um ambiente de fraca atividade industrial no país que reduz a demanda por aço e pressiona resultados de siderúrgicas, que já convivem com cenário de custos elevados de insumos como minério de ferro e carvão.

Na segunda-feira, o Instituto Nacional dos Distribuidores de Aço, que representa cerca de 80 por cento dos distribuidores de aço plano do país, informou que o estoque na cadeia em maio foi equivalente a 2,5 meses de vendas, menor nível desde março de 2010.

Apesar disso, a entidade estimou que os estoques em junho devem subir para 2,9 meses, em meio a esperadas quedas de 10 por cento nas compras e de 15,5 por cento nas vendas.

Segundo a Associação Mundial de Aco, a produção global em maio subiu 0,7 por cento, para 130,56 milhões de toneladas no mês passado, registrando um avanço acumulado nos cinco primeiros meses do ano de 0,8 por cento, para 635,6 milhões de toneladas.

A China, grande compradora de minério de ferro do Brasil, registrou um volume de produção em maio de 61,234 milhões de toneladas de aço, expansão de 2,5 por cento sobre maio de 2011. No acumulado dos cinco primeiros meses, o país produziu 296,26 milhões de toneladas, alta de 2,2 por cento sobre o mesmo período do ano passado.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Tudo o que sabemos sobre:
SIDERURGIAWORLDSTEELMAIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.