Quatro instituições de poupança anunciam plano de fusão na Espanha

A Caja de Ahorros del Mediterraneo, Cajastur, Caja Extremadura e Caja Cantabria planejam formar grupo com a ambição de se tornar uma das principais unidades do sistema financeiro espanhol

Regina Cardeal, da Agência Estado,

24 de maio de 2010 | 15h54

Quatro instituições de poupança da Espanha assinaram um protocolo de intenções para fundir suas operações, mas mantendo suas marcas e imagens corporativas separadas. A Caja de Ahorros del Mediterraneo, Cajastur, Caja Extremadura e Caja Cantabria disseram em comunicado que planejam formar "um grupo com a ambição de se tornar uma das principais unidades do sistema financeiro espanhol".

O novo banco resultante da fusão terá 135 bilhões de euros em ativos e 2.300 agências. O anúncio é feito dois dias após o banco central da Espanha ter anunciado a intervenção na instituição de poupança CajaSur depois que esta não conseguiu chegar a um acordo para se fundir com a Unicaja. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.