Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Queda dos preços se desacelera em São Paulo

Outras cidades que mostraram taxas de deflação mais fraca ou aceleração de preços foram Salvador, Rio de Janeiro e Recife

Alessandra Saraiva, da Agência Estado,

26 de julho de 2011 | 08h41

A inflação no varejo acelerou a subida de preços em quatro das sete capitais pesquisadas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) para cálculo do Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S). Nos casos de cidades que haviam registrado deflação, a queda nos preços diminuiu.

Na passagem do indicador de até 15 de julho para o IPC-S de até 22 de julho, a cidade de São Paulo, por exemplo, mostrou enfraquecimento de deflação, passando de -0,08% para -0,07% no período. A capital representa quase 50% do total do IPC-S.

As outras cidades que mostraram taxas de deflação mais fraca ou aceleração de preços, no mesmo período, foram Salvador (de 0,01% para 0,02%); Rio de Janeiro (de -0,30% para -0,24%); e Recife (de -0,18% para -0,13%). Já as capitais restantes tiveram queda de preços, ou desaceleração. É o caso de Brasília (de 0,29% para 0,12%); Porto Alegre (de 0,03% para -0,01%) e Belo Horizonte (de -0,12% para -0,21%).

Tudo o que sabemos sobre:
inflaçãodeflaçãoIPC-SSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.