Receita da Cnooc cresce 118,6% no trimestre

A Cnooc, maior produtora de gás e petróleo no alto-mar da China, obteve receita de 30,49 bilhões de yuans (US$ 4,5 bilhões) no primeiro trimestre deste ano, 118,6% maior que a de 13,95 bilhões de yuans de igual período do ano passado. O resultado foi ajudado pelo preço do petróleo. O barril de referência para o petróleo bruto tipo WTI ficou em US$ 78,71 em média no primeiro trimestre deste ano, em relação aos US$ 43,08 de igual intervalo de 2009. A empresa não divulgou seu lucro líquido.

MARCÍLIO SOUZA, Agencia Estado

28 de abril de 2010 | 13h24

A Cnooc disse que produziu 67,3 milhões de barris de petróleo equivalente nos primeiros três meses deste ano, um aumento de 32% em comparação com o volume de 51 milhões de barris de igual intervalo do ano passado. O gasto com investimento recuou de 7,5 bilhões para 5,8 bilhões de yuan, já que os planos de expansão devem se concentrar mais no segundo trimestre e no restante do ano.

"No primeiro trimestre, a companhia conseguiu forte crescimento da receita e da produção, além de ter feito descobertas animadoras. Acredito que esses resultados sólidos vão contribuir para que alcancemos nossa meta para 2010", disse o chairman do grupo, Fu Chengyu, em comunicado. Em março, a Cnooc disse que tinha como meta um aumento de 21% a 28% de sua produção de gás e petróleo este ano. O grupo também negocia a expansão de suas operações no exterior para ampliar sua quantidade de reservas. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleoCnooc

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.