Receita do Pão de Açúcar com alimentos cresce 7,3%

No primeiro semestre houve expansão de 9,1%, para R$ 14,808 bilhões

Vanessa Stecanella, da Agência Estado,

24 de julho de 2012 | 08h46

SÃO PAULO - O Grupo Pão de Açúcar (GPA) informa que as vendas brutas de alimentos cresceram 7,3% no segundo trimestre deste ano ante igual período do ano passado, para R$ 7,437 bilhões. No primeiro semestre houve expansão de 9,1%, para R$ 14,808 bilhões.

O GPA Alimentar (que, em suma, é a operação de supermercados) registrou lucro líquido de R$ 253 milhões entre abril e junho, aumento de 171,3% em comparação com o mesmo intervalo de 2011. No primeiro semestre o lucro líquido do segmento alimentar somou R$ 414 milhões, alta de 73,5% ante igual intervalo de 2011.

Na mesma comparação, o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) cresceu 37% e 26,9%, para R$ 574 milhões e R$ 1,067 bilhão, respectivamente.

De acordo com a companhia, os resultados refletem a abertura de 14 lojas nos últimos 12 meses e a conclusão dos processos de conversão das bandeiras CompreBem e Sendas para Extra Supermercado e da bandeira Extra Fácil para Minimercado Extra.

Investimento de R$ 1,8 bi

O Grupo Pão de Açúcar reiterou sua meta de investir aproximadamente R$ 1,8 bilhão neste ano, dos quais R$ 1,4 bilhão para GPA Alimentar e R$ 400 milhões para GPA não alimentar (que inclui a operação ViaVarejo). Até junho a companhia desembolsou R$ 633 milhões desse total. A cifra é, entretanto, 10,5% superior ao montante investido no primeiro semestre de 2011.

De acordo com a companhia, no segundo trimestre de 2012 foram investidos R$ 392 milhões, que representam aproximadamente 62% dos investimentos nos primeiros seis meses. Este valor inclui R$ 73 milhões em investimentos realizados na ViaVarejo no trimestre e os R$ 318 milhões de GPA Alimentar.

Em nota, o grupo explica que em adição às lojas de GPA Alimentar foram abertas, no trimestre, três lojas de cada uma das bandeiras operadas por ViaVarejo (Ponto Frio e Casas Bahia). Outras 14 lojas do GPA Alimentar e 18 lojas de ViaVarejo estão em construção.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.