Recurso para bônus do acordo sobre pré-sal virá de caixa da Petrobras, diz CEO

Os recursos para o pagamento do bônus, ainda em 2014, de 2 bilhões de reais para assinatura do acordo para exploração do petróleo excedente da cessão onerosa sairão do caixa da Petrobras, sem necessidade de a empresa fazer captações, disse a presidente da estatal Maria das Graças Foster, em coletiva com jornalistas nesta terça-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.