Redecard fecha parceria para atender chineses no Brasil

A Redecard celebrou uma parceria com a China Unionpay (CUP) para, a partir do início do próximo ano, realizar a captura, o roteamento, a transmissão, o processamento e a liquidação de transações de crédito e débito desta bandeira asiática no Brasil. O acordo permitirá que os turistas chineses utilizem seus cartões na rede de máquinas da empresa em todo o Brasil.

AE, Agencia Estado

28 de setembro de 2010 | 10h53

Segundo comunicado da Redecard, a CUP foi criada em março de 2002, possui mais de 400 instituições associadas, entre chinesas e estrangeiras, e está presente em 90 países. A bandeira conta com cerca de 2,2 bilhões de cartões emitidos, um dos maiores volumes do mundo.

"A abertura da aceitação no Brasil para cartões oriundos da China significa uma excelente oportunidade de atender aos turistas chineses no País, principalmente em virtude de dois grandes eventos no Brasil de relevância mundial - a Copa do Mundo em 2014 e as Olimpíadas em 2016", informou hoje a Redecard em comunicado, ressaltando que a parceria é parte da estratégia multibandeira da companhia, que somará 21 bandeiras em seu portfólio.

Tudo o que sabemos sobre:
cartõesbandeiraRedecardparceriaChina

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.