Referendo na Grécia sobre ajuda da UE deve ocorrer em janeiro

Segundo fonte do governo, se o plano de resgate foir aprovado em votação pública, o acordo será convertido em lei no Parlamento

Agência Estado,

31 de outubro de 2011 | 20h45

Um referendo sobre o mais recente plano de ajuda da União Europeia (UE) à Grécia provavelmente só irá acontecer no início de janeiro de 2012, afirmou hoje uma fonte no governo do país.

"O plano de ajuda começa a valer em 1º de janeiro e todos os detalhes ainda precisam ser trabalhados", disse a fonte. "O referendo irá ocorrer nas primeiras duas semanas de janeiro", prosseguiu. Se aprovado em referendo, o acordo então irá para o Parlamento, onde será convertido em lei.

Mais cedo, o primeiro-ministro da Grécia, George Papandreou, defendeu a realização de um referendo sobre o novo acordo de ajuda financeira para seu país e pediu a realização de um voto de confiança em seu governo, em uma tentativa de angariar apoio interno ao resgate.

Uma fonte no Partido Socialista (Pasok) disse hoje que o debate sobre o voto de confiança deve começar na quarta-feira e ser votado até a sexta-feira.

As informações são da Dow Jones. (Ricardo Gozzi)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.