Repsol vende participação remanescente na YPF

A empresa espanhola de petróleo Repsol informou, nesta sexta-feira, 23, que vendeu o restante de sua participação na YPF e o que restou dos títulos do governo argentino que recebeu em compensação pela nacionalização da YPF.

Agencia Estado

23 de maio de 2014 | 10h36

A Repsol disse que o JPMorgan Securities tinha comprado o resto dos bônus por US$ 117,4 milhões, cancelando a dívida geral de US$ 5 bilhões da Argentina com a empresa espanhola. A Repsol também informou que vendeu 0,48% da YPF, empresa líder de petróleo e gás na Argentina por ativos. Em 7 de maio, a empresa levantou US$ 1,26 bilhão com a venda de 11,86% na YPF.

Poucos dias após a primeira venda, a Repsol negociou a maior parte dos bônus que tinha recebido da Argentina como recompensa por sua expropriação da YPF em 2012.

Segundo a empresa, os recursos provenientes dos títulos e ações totalizam US$ 6,31 bilhões. Também afirmou que pode usar o dinheiro para buscar aquisições e também estudar formas de devolver parte disso para os acionistas. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
RepsolYPF

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.