Rio Tinto demite após acidente em mina nos EUA

A Rio Tinto cortou cerca de 100 empregos nas operações de cobre no Estado norte-americano de Utah e avisou que fechará mais vagas ainda este mês, como parte de uma estratégia para reduzir custos após o deslizamento ocorrido na mina de Bingham Canyon, no mês passado.

Agencia Estado

24 de maio de 2013 | 08h28

Em comunicado, a Kennecott Utah Copper, unidade da Rio Tinto com sede em Londres, disse que continua dando passos para reduzir o impacto no seu quadro de funcionários e que ainda não tem o número total de trabalhadores que serão afetados.

O acidente em Bingham Canyon deve reduzir a produção local de cobre em 50% neste ano, segundo cálculos da Rio Tinto. Além disso, muitos equipamentos foram danificados no deslizamento. A unidade de Utah responde por aproximadamente 17% do suprimento de cobre nos EUA. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Rio Tintodemissões

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.