Royal Caribbean vai ampliar oferta de cruzeiros no País

O vice-presidente mundial da Royal Caribbean, Michael Bayley, anunciou hoje no Rio que ampliará a oferta de cruzeiros no Brasil em 10% em comparação à temporada anterior, passando para 92 mil passageiros. Em dezembro, a empresa começará a operar o embarque e desembarque de passageiros no Rio. Antes, os turistas do Estado que quisessem embarcar em navios da empresa tinham de viajar até Santos (SP).

GLAUBER GONÇALVES, Agencia Estado

10 de junho de 2010 | 15h35

"Pelo potencial, notamos que o Rio não estava sendo explorado como poderia, então percebemos que precisávamos ter um gerente de vendas para esse mercado", afirmou o executivo. Na próxima temporada, a expectativa da empresa é de que entre 6 mil e 8 mil passageiros embarquem na cidade.

Embora avalie como positivas as perspectivas do setor no Brasil, Bayley afirmou que o País ainda é pouco competitivo para as companhias de cruzeiros. "A China, por exemplo, vem construindo terminais portuários e toda uma infraestrutura que tornam o ambiente positivo para o setor". Segundo o executivo, o setor vem crescendo apesar da deficiência em infraestrutura no País . Ele afirmou que os investimentos feitos pelo governo são insuficientes.

Tudo o que sabemos sobre:
turismocruzeirolazerRoyal Caribbean

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.