Russa Rosneft diz que honrará obrigações apesar de sanções dos EUA

Petroleira britânica BP detém uma participação de 19,75% na empresa, maior produtora de petróleo da Rússia

REUTERS

18 de julho de 2014 | 11h01

Maior produtora de petróleo da Rússia, a Rosneft , disse nesta sexta-feira que vai continuar a trabalhar em seus projetos e acordos existentes e honrar as suas obrigações, apesar das sanções dos Estados Unidos sobre a empresa aplicadas em função do papel de Moscou no contexto da crise da Ucrânia.

A empresa, na qual a petroleira britânica BP detém uma participação de 19,75 por cento, também disse que tem liquidez suficiente para atender suas dívidas e que sua posição financeira lhe permite cumprir os pontos principais de sua estratégia e de sua política de dividendos.

"A empresa está atualmente em processo de revisão legal das sanções anunciadas e está consultando os seus parceiros internacionais", disse a Rosneft em um comunicado.

(Reportagem de Vladimir Soldatkin)

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIARSSIASANES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.