Saipem fecha contratos no Brasil e Angola avaliados em US$600 mi

A empresa italiana de serviços de petróleo Saipem disse nesta terça-feira ter fechado contratos no Brasil e Angola avaliados em um total de 600 milhões de dólares.

REUTERS

15 de julho de 2014 | 07h26

Nos termos do contrato brasileiro, a Saipem vai alugar seu navio-plataforma (FPSO) Cidade de Vitória para a Petrobras por mais quatro anos e também vai realizar um trabalho para atualizar o navio.

A Saipem, que é 43 por cento detida pela gigante de petróleo Eni, também fechou o contrato de extensão de locação e operação do FPSO Gimboa em Angola, acrescentou em um comunicado.

(Por Agnieszka Flak)

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIASAIPEMPETROBRAS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.