Sarkozy deve estabelecer metas ambiciosas para G-20

Presidente francês deve ser mais específico sobre medidas para combater os preços elevados de commodities

Reuters,

24 de janeiro de 2011 | 07h26

O presidente da França, Nicolas Sarkozy, apresentará nesta segunda-feira, 24, seus planos para reformar o sistema monetário internacional e conter a volatilidade nos preços de alimentos e combustíveis, em discurso sobre a presidência francesa do G-20.

O discurso é considerado o lançamento oficial do ambicioso programa de Sarkozy. Buscando tirar proveito da liderança no G-2O para melhorar sua aprovação em casa, o presidente francês deve ser mais específico sobre medidas para combater os preços elevados de commodities, e não sobre as propostas para reformar o sistema monetário e a governança econômica mundial.

Uma disparada nos preços de alimentos, que atingiram níveis recordes em dezembro, fez das commodities uma prioridade na agenda do G-20. Mas Sarkozy parece ter conseguido um apoio insuficiente aos planos de tirar a economia mundial da dependência do dólar e estabelecer uma "novo Bretton Woods".

Sarkozy fará um discurso de 40 minutos a partir de 8h (horário de Brasília), delineando as prioridades da França para o ano.

(Reportagem adicional de Emmanuel Jarry e Yves Le Guernigou)

Tudo o que sabemos sobre:
G-20SarkozycâmbioFrançapropostas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.