Sarkozy reduz previsão do PIB da França para 1% em 2012

Estimativa anterior foi de 1,75%, num sinal de que a 2ª maior economia da zona do euro está sofrendo os impactos da desaceleração mundial

Agência Estado,

27 de outubro de 2011 | 17h27

O presidente da França, Nicolas Sarkozy, afirmou durante uma entrevista a uma rede de televisão francesa que o país deve crescer 1% em 2012, menos do que a estimativa anterior, de 1,75%, num sinal de que a segunda maior economia da zona do euro está sofrendo os impactos da desaceleração mundial.

Sarkozy disse também, que o governo apresentará um novo plano de austeridade fiscal com o objetivo de equilibrar as contas públicas da França, apenas dois meses depois de o país ter adotado medidas de emergência com o mesmo objetivo. Segundo ele, o governo esperará até o encontro do G-20 em Cannes para revelar o plano de austeridade.

As informações são da Dow Jones. (Gustavo Nicoletta)

Tudo o que sabemos sobre:
Françadesaceleração da economia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.