Seadrill fecha contratos de até US$4,1 bi com a Petrobras

O grupo norueguês de serviços petrolíferosSeadrill obteve com a Petrobras contratos que valem até 4,1bilhões de dólares que incluem três plataformas em águasprofundas. A soma excedeu expectativas de analistas. O valor corresponde a contratos com duração de 18 anos,informou a Seadrill em comunicado. "Estes novos contratos aumentarão a carteira de encomendasda Seadrill para aproximadamente 12 bilhões de dólares",informou a companhia norueguesa em comunicado. Às 7h58 (horáriode Brasília), as ações da Seadrill subiam cerca de 3 por cento. "Isso foi melhor que o esperado considerando tanto aduração quanto as taxas diárias", disse o analista AndersHagen, da ABG Sundal Collier, acrescentando que as encomendasda estatal brasileira aumentarão a probabilidade de que omercado (de águas profundas) continuará forte até 2015. O analista Stian Eliassen, da Carnegie, informou que astaxas diárias do contrato foram 80 mil coroas noruegueasasmaiores que sua expectativa. "Um negócio incrível", descreveu oanalista. "Este é um dos mais importantes acordos já conseguidos pelaSeadrill", disse o presidente-executivo da Seadrill Management,Kjell Jacobsen. "O Brasil se tornará uma das áreasestrategicamente mais importantes de operações para a companhianos próximos anos." A receita total potencial da plataforma West Eminence, quedeve começar a operar no primeiro trimestre de 2009, é de 1,35bilhão de dólares. O faturamento total esperado com aplataforma West Taurus é de 1,42 bilhão de dólares e asoperações desta unidade devem começar também no primeirotrimestre do ano que vem. Já a plataforma West Orion não deve começar a operar noBrasil antes do terceiro trimestre de 2010 e a expectativatotal de receita é de 1,35 bilhão de dólares, informou aSeadrill. (Reportagem adicional de John Archer)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.