S&P eleva avaliação da Anglo American, Rio Tinto e Xstrata

A perspectiva da Rio Tinto agora é estável, segundo a agência de classificação de risco

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

18 de abril de 2011 | 11h57

A agência de classificação de risco Standard & Poor's elevou os ratings da Anglo American, Rio Tinto, Xstrata e da sua subsidiária Xstrata Canadá. Mas, apesar da notícia positiva, as ações da Anglo American recuavam 4,72%, enquanto Xstrata cedia 2,37% e Rio Tinto declinava 2,48% na Bolsa de Londres, por volta das 11h45 (de Brasília).

A agência elevou o rating de crédito corporativo de longo prazo da Anglo American e suas subsidiárias de BBB para BBB+. Ao mesmo tempo, a S&P afirmou os ratings de curto prazo da companhia em A-2. A perspectiva é estável. A elevação, segundo a agência, reflete a melhora do perfil financeiro da Anglo American devido aos esforços da empresa para diminuir substancialmente a sua dívida por meio de um alto fluxo de caixa livre e vendas de ativos em meio a um ambiente de mercado muito favorável no setor minerador nos últimos 12 meses.

A agência elevou também o rating de crédito corporativo de longo prazo da Rio Tinto e das suas subsidiárias de BBB+ para A-. A S&P reafirmou o rating de crédito corporativo de curto prazo em A-2. A perspectiva da companhia agora é estável. Segundo a S&P, a melhora da avaliação baseia-se na visão de que o perfil financeiro da companhia agora é "modesto". A agência disse que a companhia usou o ambiente de mercado positivo para reduzir substancialmente sua dívida por meio de fluxo de caixa livre e vendas de ativos.

A S&P aumentou o rating de crédito corporativo de longo prazo da Xstrata e da sua subsidiária Xstrata Canada de BBB para BBB+. Ao mesmo tempo, a agência reafirmou o rating de curto prazo em A-2. A perspectiva é estável. A S&P declarou que a elevação da avaliação foi consequência do fortalecimento do balanço da Xstrata, à medida que a companhia tirou vantagem das condições favoráveis de mercado para reduzir sua dívida e melhorar sua flexibilidade financeira. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
S&PAngloaRio TintoXstrata

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.