Serviços têm alta de 0,63%no IPCA-15 de maio

De acordo com  cálculos da Rosenberg & Associados, os preços administrados continuaram pressionados, subindo 1,22%; preços livres tiveram alta de 0,48%  

Marcílio Souza, da Agência Estado,

20 de maio de 2011 | 10h03

SÃO PAULO - Os preços de serviços aceleraram no IPCA-15 de maio, para uma alta de 0,63%, de acordo com cálculo da Rosenberg & Associados. No IPCA-15 de abril, haviam subido 0,58% e, no IPCA fechado do mês passado, tiveram alta de 0,54%. As oito estimativas coletadas para o segmento variavam de 0,37% a 0,67%, com mediana de 0,49%.

Os preços administrados, por sua vez, continuaram pressionados, subindo 1,22% no IPCA-15 de maio. A variação supera a de 0,86% registrada no IPCA-15 de abril, mas é inferior à de 1,29% registrada pelo IPCA fechado do mês passado. As 13 projeções coletadas variavam de 1,20% a 1,46%, com mediana de 1,33%.

Já os preços livres, de acordo com a Rosenberg, vieram com alta de 0,48%, inferior ao avanço de 0,73% registrado pelo segmento no IPCA-15 de abril e também ao de 0,56% do IPCA de abril. As 13 instituições que encaminharam estimativas ao AE Projeções esperavam que os preços livres fossem subir entre 0,41% e 0,58%, com mediana de 0,53%.

Tudo o que sabemos sobre:
IPCA-15maioaltaRosenberg & Associados

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.