Siemens transfere € 500 milhões de banco francês para BCE

Segundo o jornal Financial Times, um dos motivos para a transferência foi o temor da companhia alemã sobre a saúde fiscal do banco

Regina Cardeal, da Agência Estado,

19 de setembro de 2011 | 18h24

O grupo industrial Siemens AG, da Alemanha, retirou mais de 500 milhões de euros de um grande banco francês e transferiu o valor para o Banco Central Europeu (BCE), informou o Financial Times. A Siemens fez a transferência em parte por causa dos temores sobre a saúde fiscal futura do banco, mas também para se beneficiar das taxas de juros mais altas pagas pelo BCE, afirmou ao FT uma fonte próxima à questão.

O jornal afirma que não está claro de que banco a Siemens sacou os recursos. O BNP Paribas SA, alvo de recente especulação negativa nos mercados, não foi o banco envolvido, acrescenta o FT, citando uma fonte. Representantes do BCE e da Siemens não quiseram comentar. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.