Movida/Divulgação
Movida/Divulgação

Simpar anuncia investimentos de até R$ 12 bilhões para o próximo ano

Holding que já controlava sete empresas, entre as quais a Movida e a JSL, informa também a compra da HM, do ramo de empilhadeiras, por R$ 150 milhões

Cleide Silva, O Estado de S.Paulo

09 de dezembro de 2021 | 22h27

A Simpar anunciou na noite desta quinta-feira, 9, que em 2022 vai investir entre R$ 10 bilhões a US$ 12 bilhões nps negócios do grupo que envolvem as empresas JSL, Movida, Vamos, CS Brasil, CS Infra, Original e BBC Leasing & Conta Digital. O montante equivale ao aplicado nos últimos três anos e, segundo o grupo, não inclui eventuais aquisições.

Do total previsto, entre R$ 5 bilhões a R$ 6 bilhões serão destinados à Movida e R$ 4,3 bilhões a R$ 4,8 bilhões para Vamos.

 Em nota divulgada ao mercado, a empresa informa que aporte será destinado principalmente à expansão da frota de veículos leves e pesados das empresas de locação da holding, e tem o objetivo de acelerar os negócios e contratos que ofereçam retornos consistentes, além de atender a expansão e serviços já contratados nas diferentes empresas controladas.

Paralelamente, o grupo informa que a Vamos Locação de Caminhões, Máquinas e Equipamentos comprou 100% da HM Empilhadeiras, por R$150 milhões. A nova empresa registrou faturamento bruto de R$ 84 milhões nos últimos 12 meses e vai adicionar 2.854 ativos à frota da Vamos, que também incorpora três concessionárias da marca Toyota de equipamentos intralogísticos em Ribeirão Preto e Bauru (SP) e em Pouso Alegre (MG).

Essa é a quarta empresa adquirida pela grupo nos últimos 12 meses. As outras foram a locadora Vox, a transportadora Rodomeu e a operadora logística TPC

LUCRO TRIMESTRAL TRIPLICOU

Fernando Simões, CEO da Simpar, informa que o grupo registrou lucro líquido de R$ 399 milhões no último trimestre, mais que o triplo quando comparado ao mesmo período do ano passado. 

“Estamos executando nosso plano com muita responsabilidade e conseguindo promover um ciclo de desenvolvimento sustentável com foco na evolução do nosso ecossistema, reforçando os pilares e metas de expansão nas áreas de logística, mobilidade e de concessões, setores de receitas resilientes e com alto potencial de crescimento”, afirma Simões. 

A empresa emprega 35 mil funcionários diretos e estima gerar outros 100 mil indiretos.

Tudo o que sabemos sobre:
investimento financeiroSimpar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.