Statoil diz estar comprometida em crescer no Brasil

O presidente da Statoil no Brasil, Thore E. Kristiansen, afirmou nesta terça-feira que a companhia está comprometida em crescer no Brasil. A Statoil venceu seis blocos em mar no Espírito Santo, sendo quatro como operadora. "Estamos decididos a crescer no Brasil", disse.

SABRINA VALLE, FERNANDA NUNES E MÔNICA CIARELLI, Agencia Estado

14 de maio de 2013 | 15h57

A empresa é hoje a segunda maior produtora de petróleo no Brasil, com operações no campo de Peregrino. O executivo revelou que Peregrino atingiu na semana passada 100 mil barris diários de produção.

A Statoil se comprometeu com a perfuração de dez poços. Kristiansen não comentou o valor dos investimentos previstos para os próximos cincos anos. Disse que se surpreendeu com o valor de alguns bônus ofertados. Segundo ele, isso demonstra que o fato de o Brasil ter ficado cinco anos sem rodadas represou o apetite das empresas e que há várias delas interessadas em crescer negócios no País.

Tudo o que sabemos sobre:
StatoilpetróleoEspírito Santo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.