Tata Motors registra primeiro prejuízo anual em oito anos

A Tata Motors, principal fabricante de veículos na Índia, anunciou nesta sexta-feira o primeiro prejuízo anual em pelo menos oito anos, atingida pela desaceleração da demanda e por perdas nas unidades Jaguar e Land Rover que comprou em 2008.

REUTERS

26 de junho de 2009 | 10h02

A companhia, que controla 60 por cento do quinto maior mercado de caminhões e ônibus do mundo, registrou prejuízo líquido consolidado de 25,05 bilhões de rúpias (520 milhões de dólares) até março de 2009, contra lucro líquido de 21,68 bilhões de rúpias um ano antes.

As vendas líquidas subiram para 703,70 bilhões de rúpias, ante 354,09 bilhões de rúpias. Os números não são comparáveis, já que os do ano anterior não incluem as unidades Jaguar e Land Rover, bem como alguns outros ativos comprados pela companhia e vendidos durante o ano.

Uma brutal recessão global enfraqueceu as vendas de carros, principalmente veículos de luxo e utilitários esportivos, causou o colapso de duas das três principais montadoras norte-americanas em recessão e deve acentuar ainda mais o prejuízo da Toyota Motor.

Tudo o que sabemos sobre:
AUTOSTATAPREJUIZO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.