Taxa de ocupação da TAM cai em julho

A taxa de ocupação da TAM registrouqueda tanto no mercado nacional quanto no internacional emjulho, mesmo mês do pior desastre aéreo da história do Brasil,envolvendo um Airbus da empresa e que deixou 199 mortos. No mercado de vôos domésticos, a taxa de ocupação da TAMcaiu de 81 por cento em julho de 2006 --antes do início dacrise no setor aéreo-- para 74,1 por cento no mês passado. Nas rotas internacionais o dado foi de 84,5 por cento há umano para 75,5 por cento no mês passado. Já a participação de mercado da empresa teve resultadosdistintos nas áreas doméstica e internacional. Nas rotasinternas, a participação da TAM caiu ligeiramente, para 50,6por cento, contra os 50,8 por cento de um ano atrás. Nas rotas para o exterior, a elevação da TAM foiexpressiva, atingindo 64,3 por cento contra 52,1 por cento dejulho de 2006.

REUTERS

09 de agosto de 2007 | 21h22

Tudo o que sabemos sobre:
NEGOCIOSAEREASTAMOCUPACAO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.