Telmex vai deixar bolsas dos EUA e da Espanha

A decisão foi tomada após a controladora América Móvil elevar sua participação na empresa para 93%

Agência Estado,

19 de dezembro de 2011 | 22h53

CIDADE DO MÉXICO - A Teléfonos de México (Telmex) anunciou que seus acionistas concordaram em retirar as ações da companhia das Bolsas dos EUA e de outros mercados no exterior. A decisão foi tomada depois de a controladora América Móvil adquirir uma participação adicional de 33% na Telmex, no mês passado, elevando sua participação a 93%.

Em comunicado, a Telmex disse que seus acionistas aprovaram a decisão de não mais listar as ações da empresa na Bolsa de Nova York, no Nasdaq e no mercado espanhol Latibex; o programa de recibos de depósitos americanos (ADRs) será descontinuado. As ações da Telmex continuarão a ser negociadas na Bolsa do México.

As informações são da Dow Jones. (Renato Martins)

Tudo o que sabemos sobre:
TelmexAméricia Móvil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.