Tesouro de Portugal não vê dificuldade com dívida de € 5,63 bi em maio

Pagamentos de maio se aproximam ao mesmo tempo que as preocupações dosinvestidores com os problemas financeiros da Grécia se espalham paraoutros países

Danielle Chaves, da Agência Estado,

29 de abril de 2010 | 10h18

Portugal não terá dificuldades para cobrir suas grandes dívidas que vencem em maio, apesar da piora das condições de financiamento para os países com problemas da zona do euro, afirmou Alberto Soares, diretor do Tesouro português. Portugal tem 5,63 bilhões de euros em bônus com vencimento no dia 20 de maio, o maior pagamento de dívida do ano e cerca de um quarto de sua planejada emissão entre 20 bilhões de euros e 22 bilhões de euros.

Portugal também tem 1,27 bilhão de euros em títulos do Tesouro com vencimento em 21 de maio. "Não haverá problemas em cumprir os pagamentos", disse Soares.

Os pagamentos de maio se aproximam ao mesmo tempo que as preocupações dos investidores com os problemas financeiros da Grécia se espalham para outros países, como Portugal, que têm altas dívidas e perspectivas econômicas fracas.

Os spreads (prêmio) dos bônus portugueses sobre os títulos alemães comparáveis se ampliaram mais de 50% nesta semana e atualmente estão pouco abaixo de três pontos porcentuais nos papéis de 10 anos. O yield dos bônus portugueses de 10 anos está em 5,99%, praticamente o dobro dos 3,02% dos papéis alemães. As informações são da Dow Jones. 

Tudo o que sabemos sobre:
Portugaldívida

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.