Time Warner rejeita oferta de US$ 80 bilhões de Murdoch

O negócio formaria um gigante da televisão e uniria os estúdios da Warner Bross e da 21st Century Fox

Economia & Negócios

16 de julho de 2014 | 10h54

O magnata das comunicações Rupert Murdoch quer comprar o grupo de mídias Time Warner. A empresa audiovisual 21st Century Fox, de Murdoch, confirmou a oferta de compra, mas esta foi rejeitada pela Time Warner em junho.

O breve comunicado da Fox não dá detalhes sobre cifras, mas uma fonte ligada às negociações afirma que Rupert Murdoch teria oferecido US$ 80 bilhões em dinheiro e ações da Fox.

O negócio formaria um gigante da televisão e uniria os estúdios da Warner Bross e da 21st Century Fox. A especulação é que o mercado de mídia pode voltar a ficar movimentado e passe por uma reformulação, levando a uma nova onda de mega-fusõesde grandes empresas.

A conglomerado era destaque de alta no pré-mercado. O papel da Time Warner subia quase 16% após a notícia. 

Em cinco décadas, Murdoch construiu um império da comunicação, com estúdios, canais de televisão e jornais. Fontes informaram que a Fox iria vender a CNN para atender às regras de concentração de mercado visto que a Fox News concorre diretamente com a CNN. A empresa combinada teria receita total de US $ 65 bilhões.

(Com AFP, New York Times e Agência Estado)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.