Tokyo Steel corta preços novamente por demanda fraca

A Tokyo Steel Manufacturing, maior fabricante de aço para construção do Japão, informou nesta segunda-feira que vai cortar o preço de seus principais produtos para o menor nível em seis anos devido à fraca demanda doméstica.

REUTERS

14 de dezembro de 2009 | 10h10

A companhia cortará os preços de todos os produtos exceto fio máquina em janeiro, após cortes realizados em novembro.

"As quedas nos preços do aço usado na construção se intensificaram à medida em que a demanda das empresas continua fraca, enquanto o governo corta o gasto com obras públicas", disse Naoto Ohori, diretor-gerente na Tokyo Steel, em conferência de imprensa.

"Não sabemos quando o mercado vai sair de seu pior nível", acrescentou.

Os incentivos do governo para carros menos poluentes impulsionaram a demanda por automóveis no mundo. Mas o mercado de construção no Japão não mostrou sinais de melhora com as empresas freando os gastos em novas unidades e consumidores atrasando a compra de novas casas em meio a um ambiente econômico incerto.

Tudo o que sabemos sobre:
SIDERURGIATOKYOSTEELPRECOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.