Toyota anuncia maior recall já feito na China

Cerca de 688 mil veículos apresentam problema no sistema de controle dos vidros

Cynthia Decloedt, da Agência Estado,

24 de agosto de 2009 | 11h06

A Toyota Motor anunciou o recall de 688.314 automóveis na China, o maior já feito pela montadora japonesa no país e com potencial de prejudicar sua imagem no mercado chinês após recuperação recente em suas vendas.

 

Quatro modelos bastante conhecidos estão entre os chamados para reparos no sistema de controle dos vidros, incluindo o Corola e o Camry, informou a Toyota. Nos modelos chamados, o sistema de controle de vidro do motorista pode ter seu circuito interrompido e, em alguns casos, pode haver um superaquecimento, por causa de excesso de lubrificante aplicado na fabricação dos veículos. O porta-voz da Toyota em Pequim, Hitoshi Yokoyama, afirmou que a falha causa o derretimento do dispositivo "em alguns casos raros", mas que não há relato de incêndio ou feridos.

 

O número de veículos sendo chamados para reparo excede o total de 585 mil vendidos na China no ano passado. O recall segue-se a outra chamada não relacionada a atual feita na China, em consequência de uma falha nos freios do modelo Camry. Na ocasião a Toyota foi criticada por um advogado de defesa do consumidor, mas a companhia respondeu não ter feito nada de errado.

 

Nos últimos anos, a Toyota acelerou os esforços para reduzir problemas de qualidade. Em 2006, a companhia foi estremecida por um aumento nos recalls e problemas de qualidade no mundo, o que a levou a adiar a introdução de alguns novos modelos por até seis meses. A ideia era dar maior tempo aos engenheiros para trabalhar nos veículos.

 

Um executivo da Toyota que não quis se identificar disse ser plausível que o atual recall da montadora na China, somado ao episódio de abril, afetem a confiança dos consumidores chineses. Ele observou, entretanto, que as vendas dos automóveis chamados pela Toyota em abril não foram fortemente atingidas e que, de modo geral, as vendas tem se recuperado com força após vários meses de apatia, no início do ano.

 

O recall anunciado nesta segunda-feira abrange 384.736 modelos Camry fabricados entre 15 de maio de 2006 e 31 de dezembro de 2008; 245.288 modelos Corolla fabricados entre 17 de maio de 2007 e 25 de dezembro de 2008; 35.523 modelos Vios fabricados entre 18 de fevereiro de 2008 e 25 de dezembro de 2008; 22.767 modelos Yaris fabricados entre 15 de maio de 2008 e 31 de dezembro de 2008, segundo a Toyota. Os veículos foram fabricados pela Toyota e parceiros na joint venture em Guangzhou e Tianjin. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
ToyotaChinarecall

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.