TPG acerta compra da australiana DTZ por US$1,1 bi, diz fonte

Um consórcio liderado pela TPG Capital Management concordou em comprar a unidade imobiliária da empresa australiana de serviços de engenharia UGL por 1,215 bilhão de dólares australianos (1,14 bilhão de dólares), disse à Reuters uma fonte nesta sexta-feira.

REUTERS

13 de junho de 2014 | 10h45

A UGL colocou a unidade DTZ, uma companhia de serviços imobiliários, à venda para cortar dívida conforme sua principal divisão de serviços de engenharia enfrenta uma queda nas receitas devido a uma desaceleração no setor australiano de mineração.

Um acordo deve ser assinado já a partir de sexta-feira, concluindo um processo de venda que durou um ano e que atraiu o interesse de várias ofertantes de private equity, incluindo a empresa norte-americana de aquisições Warburg Pincus [WP.UL]

A venda também ressalta a volta de fortes mercados de fusões e aquisições na Ásia, incentivado por mercados de crédito fácil e capital fluindo para as empresas de private equity da região.

Como resultado, as fusões e aquisições apoiadas por private equity tiveram seu melhor início na história, com 26,7 bilhões de dólares em acordos anunciados até agora no ano. Isso foi 21,6 por cento a mais do que todo o ano de 2013, segundo dados da Reuters.

Empresas de private equity investiram quase três vezes mais na Ásia no acumulado do ano do que no mesmo período do ano passado.

(Por Stephen Aldred)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASTPGCAPITALDTZ*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.