Trabuco: pacote deve aumentar confiança de empresários

O pacote de logística e o programa de incentivo ao investimento aumentam o nível de confiança do empresariado na economia brasileira, na opinião do presidente do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco Cappi. "O Brasil, com essa política de investimento nas ferrovias, rodovias e aeroportos, cria possibilidades de taxa de retorno adequada ao investidor internacional", disse, em conversa com a imprensa durante evento da revista IstoÉ Dinheiro, em São Paulo.

ALINE BRONZATI, Agencia Estado

16 de agosto de 2012 | 20h37

De acordo com Trabuco, a parceria público-privada está colocada para suprir as deficiências de infraestrutura que o Brasil tem. Sobre a carteira de crédito do Bradesco, ele disse que as projeções de crescimento estão mantidas em um intervalo de 14% a 18%. "Este nível do crescimento do crédito faz sentido ao multiplicador do PIB que estamos prevendo para este ano, que é acima de 2%, conforme as estimativas do próprio governo", analisou.

Os pacotes de investimento em infraestrutura devem estimular, segundo o Trabuco, o aumento da oferta de debêntures e até de emissão de ações, uma vez que o cenário internacional tem apresentado melhora. "A crise europeia parou de piorar, há perspectivas de uma estabilização e até de uma normalidade do sistema financeiro internacional", avaliou. Ele acrescentou que o mundo está ávido por boas oportunidades de crescimento e tem liquidez bastante forte.

Tudo o que sabemos sobre:
pacoteconcessõesBradesco

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.