Transação da Fannie Mae está sob investigação, diz ‘WSJ’

Quatro funcionários da agência hipotecária teriam sido afastados temporariamente do trabalho

Gabriel Bueno, da Agência Estado,

31 de outubro de 2011 | 14h03

Pelo menos quatro funcionários da agência hipotecária Fannie Mae foram afastados temporariamente do trabalho, como parte de uma investigação de autoridades federais sobre uma transação de um programa do órgão, segundo pessoas familiarizadas com o assunto, informou o Wall Street Journal.

A investigação é realizada pelo inspetor-geral da Agência Federal de Financiamento Imobiliário (FHFA, na sigla em inglês), que monitora a Fannie Mae e a Freddie Mac. Funcionários do escritório da promotoria do distrito leste da Virgínia também estão envolvidos na apuração, segundo as fontes.

Uma porta-voz da Fannie Mae disse que a investigação é limitada em seu escopo e a agência coopera com os trabalhos. Segundo ela, foi tomada a atitude padrão nesses casos de dar licença para os funcionários, enquanto a revisão do caso é feita.

A investigação está em seus primeiros passos e não está claro se qualquer problema está sob avaliação do inspetor-geral. A investigação parece centrar-se em uma única transação, parte de uma parceria mais ampla envolvendo prédios de apartamentos entre a Fannie Mae e a Related, uma incorporadora privada de Nova York, segundo as fontes. Uma porta-voz da Related não quis comentar o tema.

Os agentes públicos tiveram um encontro com dirigentes da Fannie Mae no final da semana passada, segundo as fontes. Não houve mandados emitidos e as reuniões foram voluntárias. A Fannie Mae soube da investigação na última quinta-feira, ainda de acordo com as fontes.

Mais cedo neste ano, a Fannie Mae vendeu uma porcentagem em vários prédios de apartamento que sofreram execução hipotecária para a Related, que mantém e gerencia as propriedades como parte do negócio. O acordo foi o maior de propriedades que sofreram execução hipotecária pela agência e incluía a opção de a Related comprar parcelas em propriedades como apartamentos que sofrerem execução hipotecária no futuro.

As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
fannie maehipoteca

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.