Tyson Foods, dos EUA, negocia compra de empresa no Brasil

A norte-americana Tyson Foods Inc,maior processadora mundial de carnes, informou nestasegunda-feira que pretende adquirir uma empresa do setoravícola no Brasil. O anúncio foi feito durante um encontro com analistas einvestidores nos EUA, quando a companhia também informou quepretende formar duas joint-ventures na China para operações deprocessamento de aves. A eventual atuação da Tyson Foods no Brasil, país quedomina os mercados exportadores de carne bovina e de frango,além de ser um competidor importante em carne suína, tem sidoamplamente comentada na mídia brasileira nos últimos tempos. A companhia norte-americana já negociou participações emempresas locais, mas até o momento não havia fechado nadasignificativo. A Tyson não informou qual empresa ela está comprando noBrasil, dizendo apenas que assinou uma carta de intenções paraassumir uma empresa de médio porte, de produçãovertilicalizada. Além das iniciativas na China e no Brasil, a empresa dissetambém que está avaliando meios de elevar sua participação noMéxico. O objetivo é elevar as vendas internacionais para 5bilhões de dólares até 2010, ante 3 bilhões em 2007. A empresa também revelou alguns detalhes sobre seus planosem biocombustíveis. A Tyson Foods pretende produzircombustíveis a partir de gordura animal nos Estados Unidos. (Por Bob Burgdorfer)

REUTERS

12 de novembro de 2007 | 19h28

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSCARNESTYSON

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.