Unica: Centro-Sul processou 256 milhões/t de cana até 15/outubro

Ribeirão Preto, 26 - O processamento de cana-de-açúcar na safra 2004/2005 no Centro-Sul do Brasil atingiu 256 milhões de toneladas até o dia 15 de outubro, de acordo com levantamento divulgado hoje pelo presidente da União da Agroindústria Canavieira de São Paulo (Unica), Eduardo Pereira de Carvalho. O total processado é 77,5% das 330 milhões de toneladas previstas para serem moídas pelas usinas e destilarias, de acordo com o executivo. Segundo ele, os dados foram informados ontem ao ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, durante uma reunião em Brasília. Carvalho afirma que a área colhida no Centro-Sul em 2004/2005 deve superar em 10% a da safra passada, a produtividade está cerca de 2 toneladas por hectare maior na região em virtude das chuvas e o ATR (Açúcar Total Recuperável) está 3 kg a menos do que os 149 quilos de açúcar por tonelada de cana na safra passada. "Com todo esse cenário, teremos 7,85% a mais de oferta de ATR em toda a safra", disse Carvalho. As 74 milhões de toneladas que ainda faltam para serem processadas na safra 2004/2005 devem ser moídas até meados de dezembro, de acordo com o presidente da Unica. "São cerca de 18,5 milhões de toneladas por semana e acho que é possível processar tudo isso", disse o executivo. No entanto, o próprio Carvalho admite que o setor trabalha com a hipótese de antecipar a safra 2005/2006 do final de abril para o final de março de 2005. "Se sobrar cana em pé, a safra será antecipada e o setor tem condições para isso", explicou Carvalho. O presidente da Unica afirmou que o setor sucroalcooleiro garantiu ao ministro Roberto Rodrigues que o abastecimento de álcool será feito sem problemas durante a entressafra. Carvalho levou a Rodrigues o levantamento que aponta uma produção de álcool em 10,3 bilhões de litros na safra 2004/2005 até o último dia 25 de outubro, 75,95% dos 13,56 bilhões de litros previstos pela entidade para serem feitos em todo o processamento. "A produção de álcool cresceu na primeira quinzena de outubro, as chuvas estão fazendo com que as destilarias produzam mais o combustível, portanto não há razão para o ministro ou qualquer um se preocupar com o desabastecimento na entressafra", garantiu. Se confirmadas as estimativas, a produção de álcool em 2004/2005 deve ser um pouco maior do que a realizada na safra passada, que foi de 13,071 bilhões de litros. A produção de açúcar na safra 2004/2005 pelas usinas do Centro-Sul do Brasil chegou a 17,8 milhões de toneladas até o final da primeira quinzena de outubro, de acordo com levantamento da Unica. O total produzido é 75,74% das 23,05 milhões de toneladas previstas para toda esta safra, de acordo com Eduardo Pereira de Carvalho. Na safra 2003/2004 foram produzidas 20,42 milhões de toneladas de açúcar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.