Vale aumenta oferta de ações da norueguesa Norsk Hydro

A Vale informou que aumentou o tamanho da oferta de ações da Norsk Hydro ASA, companhia listada na Oslo Stock Exchange e na London Stock Exchange. A oferta prevê agora até 407,1 milhões de ações da companhia por meio de uma oferta base, e um adicional de até 40,7 milhões de ações disponibilizadas pela Vale nos termos da opção de oferta suplementar. A mineradora já havia comunicado nesta segunda-feira, 11, o lançamento.

EULINA OLIVEIRA, Agencia Estado

11 de novembro de 2013 | 19h12

Inicialmente, a companhia informou que a oferta consistiria em até 224,0 milhões de ações por meio de uma oferta base, e até 22,4 milhões de ações adicionais, mediante opção de oferta suplementar. A operação faz parte do programa de desinvestimentos da mineradora brasileira.

Conforme o fato relevante divulgado, o preço por ação e o número final de ações vendidas será determinado após a conclusão do bookbuilding (procedimento de coleta de intenções de investimento) da oferta. Um outro anúncio será feito após a precificação da transação.

Além disso, a Vale concordou em não vender as ações restantes da Norsk Hydro pelo período de 180 dias após a conclusão da oferta, sujeito às eventuais exceções usuais.

Segundo a companhia, após a conclusão da operação, se todas as ações da Norsk Hydro forem vendidas, assumindo o não exercício da opção de lote suplementar, a participação da Vale, detida por meio de subsidiária integral, de 21,64% das ações da Hydro, será reduzida para 2,0%. Se todas as ações da Norsk Hydro disponíveis na oferta base forem vendidas e a opção de oferta suplementar for exercida na sua totalidade, a Vale não terá mais participação no capital total e votante da Hydro.

"A oferta das ações da Hydro é consistente com a estratégia da Vale de reduzir sua exposição a ativos não estratégicos, e é resultado do foco na disciplina na alocação do capital e maximização do valor para os nossos acionistas", diz a companhia, no fato relevante.

Tudo o que sabemos sobre:
ValeNorsk Hydro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.