Vale: Chuva em Carajás afetou produção no 2º trimestre

As fortes chuvas na região de Carajás (PA), onde está localizada a principal mina de exploração de minério de ferro da Vale, afetaram a produção no segundo trimestre do ano. Na apresentação dos resultados da companhia, a maior produtora de minério de ferro do mundo destacou que o desempenho da companhia poderia ter sido melhor no período entre abril e junho caso as minas não tivessem sido afetadas, o que acabou restringindo as vendas, informou a mineradora.

FERNANDA GUIMARÃES, Agencia Estado

29 de julho de 2011 | 11h53

Para os próximos meses, a Vale frisou, ainda na sua apresentação, que o fim da temporada "extraordinariamente longa e severa de chuvas" normalizará as operações.

Ontem a Vale informou, em seu balanço, que as vendas de minério de ferro da Vale totalizaram 60,642 milhões de toneladas no segundo trimestre, o volume corresponde a um incremento de 6,23% frente ao registrado no mesmo período do ano passado, quando foram vendidas 57,081 milhões de toneladas. Já as vendas de pelotas apresentaram um ligeiro recuo no período passando de 12,946 milhões para 12,861 milhões de toneladas.

Tudo o que sabemos sobre:
ValeminériochuvaCarajás

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.