Vale não deve revisar investimento dos projetos atuais

O diretor executivo de Finanças da Vale, Tito Martins, afirmou nesta quinta-feira não acreditar em revisões "significativas" no Capex dos atuais projetos de expansão da mineradora. Na quarta-feira o balanço financeiro da companhia do segundo trimestre trouxe uma revisão no orçamento de quatro projetos, que juntos vão exigir mais US$ 1,5 bilhão em investimentos.

MÔNICA CIARELLI, Agencia Estado

26 de julho de 2012 | 16h03

Entretanto, o executivo ressaltou que o cenário atual de desaceleração no ritmo de desenvolvimento de novos projetos pelo setor pode beneficiar a mineradora brasileira. Isto porque a Vale tem grandes projetos de crescimento de capacidade a serem desenvolvidos, como o S11D em Carajás, no Pará. Nesse quadro de desaceleração, a expectativa é que os custos com equipamentos e serviços sejam barateados, influenciando positivamente o orçamento de projetos futuros.

Tudo o que sabemos sobre:
Valeinvestimentos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.