Vale ‘não tem conhecimento’ de oferta pela Potash, diz fonte

Segundo a fonte, não parece realista que a Vale faça uma oferta pela Potash, porque a empresa brasileira já está investindo pesadamente em seus próprios projetos na área de fertilizantes

Renato Martins, da Agência Estado,

23 de agosto de 2010 | 15h11

Uma fonte próxima à diretoria da Vale disse à Dow Jones que o comando da empresa "não tem conhecimento" de qualquer iniciativa no sentido de fazer uma oferta pela canadense Potash. Segundo a fonte, a diretoria da Vale não foi informada de que qualquer abordagem tenha sido feita à Potash.

A fonte acrescentou que não parece "realista" que a Vale faça uma oferta pela Potash, porque a empresa brasileira já está investindo pesadamente em seus próprios projetos na área de fertilizantes. "É impossível que a diretoria da Vale não tenha conhecimento da preparação de uma oferta desse tamanho, da ordem de US$ 40 bilhões", afirmou a fonte.

Nesta segunda-feira, o executivo-chefe da Potash, Bill Doyle, disse ao Wall Street Journal que manifestações de interesse pela empresa apareceram "horas depois" de a companhia anunciar a rejeição da proposta de aquisição feita na terça-feira passada pela BHP Billiton. Também hoje, a Bloomberg disse que a Vale e a chinesa Sinochem teriam feito uma consulta preliminar à Potash sobre a possibilidade de conversações futuras. A fonte da Bloomberg também não foi identificada.

As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
ValeofertaPotash

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.