Vale sofre derrota e tem que optar entre Ferteco e mina

O Supremo Tribunal Federal (STF)informou nesta terça-feira que manteve a decisão do ConselhoAdministrativo de Defesa Econômica (Cade) sobre a concentraçãode mercado da Vale . Pela decisão do Cade, a empresa terá que optar entre mantera mineradora Ferteco ou abrir mão do direito de preferênciasobre o minério de ferro excedente da mina de Casa de Pedra, depropriedade da Companhia Siderúrgica Nacional . Segundo a assessoria do STF, não cabe mais recurso sobre adecisão do órgão. "A ministra acompanhou a decisão do relator e manteve ovoto do Cade, aqui não cabe mais recurso", disse o assessor àReuters pelo telefone. Segundo a assessoria de imprensa da Vale, a empresa "vaianalisar a decisão para estudar as medidas a serem adotadas". O julgamento do Cade foi iniciado em 2005, após cincoaquisições de mineradoras pela Vale. No início de 2007, o Cadejulgou que havia concentração de mercado nas operações da Valee que a mineradora teria que se desfazer da Ferteco ou nãoexercer o direito de preferência na mina de Casa de Pedra,conseguido na época do descruzamento acionário com a CSN, em2001. Na época da decisão do Cade, a Vale afirmou que não tinhaintenção de vender a Ferteco. A mina da CSN produz atualmente 16 milhões de toneladas,das quais 8 milhões são consumidas pela siderúrgica e orestante colocado no mercado interno. A Vale tem direito depreferência apenas sobre o excedente a ser exportado pela CSNdesse volume. (Por Denise Luna)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.