Vale terá complexo de minério na Malásia, diz jornal

A brasileira Vale vai iniciar a construção de um complexo de minério de ferro na Malásia, no sudeste asiático, em julho ou agosto deste ano, segundo informou o jornal The Star, citando Zambry Abdul Kadir, ministro-chefe do Estado de Perak, onde o projeto será desenvolvido. O complexo está avaliado entre 9 bilhões de ringgits e 14 bilhões de ringgits (de US$ 2,95 bilhões a US$ 4,57 bilhões).

CLARISSA MANGUEIRA, Agencia Estado

21 de janeiro de 2011 | 09h05

"Será o maior complexo da Vale fora do Brasil. Todas as aquisições necessárias foram feitas. É apenas uma questão de começar a fazer agora", destacou Kadir. O ministro disse que o governo de Perak não tem participação acionária no projeto, mas participará das operações portuárias e logísticas. Haverá também compartilhamento com companhias locais de atividades de refino e distribuição. Segundo ele, o efeito multiplicador das atividades deverá triplicar o investimento inicial da mineradora.

De acordo com os termos do projeto, a Vale desenvolverá um complexo de minério de ferro, incluindo o seu próprio cais na cidade de Lumut. O ministro disse que o complexo poderá servir como um impulso para o desenvolvimento de indústrias de minério de ferro e aço.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.