Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Vale vai avaliar prorrogação antecipada de concessões ferroviárias

Governo tenta concluir ainda este ano a renovação antecipada de concessões de ferrovias em troca de novos investimentos

Luana Pavani, O Estado de S.Paulo

02 Julho 2018 | 09h28

 A Vale informa que está participando do processo de prorrogação antecipada das suas concessões ferroviárias, que expiram em 2027. Segundo nota da mineradora, a aprovação para a prorrogação antecipada será submetida ao seu conselho de administração, "após a análise das contrapartidas requeridas pelo Governo Federal, a serem oficializadas depois da etapa de audiências públicas."

+ Licitação de linhas de transmissão tem deságio de até 74%

O governo tenta concluir ainda este ano a renovação antecipada de concessões de ferrovias em troca de novos investimentos, como afirmou o ministro dos Transportes, Aviação Civil e Portos, Valter Casimiro. Em evento ao final de maio, anunciou que  prevê lançar ao mercado R$ 70 bilhões em concessões nos modais aeroportuário, portuário e rodoviário. Esses R$ 70 bilhões, destaca o ministro, virão em concessões com prazos de duração mais alongados e que contam com gatilhos de demanda para a realização dos investimentos.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.