Venda de fatia no Capim Branco está aprovada, diz Suzano

A Suzano Papel e Celulose informou nesta sexta-feira, 10, que a operação de venda de sua participação no consórcio Capim Branco Energia já recebeu a anuência da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). A venda também foi aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e, dessa forma, a operação está "em fase final", segundo a fabricante. O negócio, avaliado em R$ 320 milhões, foi celebrado em março passado, quando a Suzano assinou o contrato definitivo de venda de sua participação às sócias Vale e Cemig Capim Branco Energia, controlada pela Cemig.

ANDRÉ MAGNABOSCO, Agencia Estado

10 de maio de 2013 | 11h13

A Suzano detinha 17,89% de participação do consórcio que opera as usinas hidrelétricas Amador Aguiar I e II, com potência instalada total de 450 MW. Vale (48,42%), Cemig (21,05%) e grupo Votorantim (12,63%) eram os demais sócios do empreendimento. Com a operação, a Vale pagará R$ 223 milhões para ampliar sua participação para 60,89% do negócio. Já a Cemig desembolsará R$ 97 milhões e ampliará a participação para 26,47%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.