Venda de moradias usadas nos EUA sobe 7,7% em agosto

As vendas avançaram 18,6% em comparação com agosto do ano passado

Gabriel Bueno, da Agência Estado,

21 de setembro de 2011 | 11h40

As vendas de moradias usadas subiram nos Estados Unidos em agosto para seu maior índice em cinco meses, porém permaneceram fracas de uma perspectiva histórica, no momento em que o mercado de imóveis em dificuldade não consegue impulsionar a economia.

As vendas de imóveis residenciais usados aumentaram 7,7% em agosto em comparação com julho, para uma taxa anual sazonalmente ajustada de 5,03 milhões, informou a Associação Nacional de Corretores de Imóveis (ANR, na sigla em inglês) nesta quarta-feira. A taxa de julho não foi revisada e manteve-se em 4,67 milhões. As vendas avançaram 18,6%, em comparação com agosto do ano passado.

Os resultados foram melhores que o previsto. Economistas entrevistados pela Dow Jones esperavam um aumento de 2,7%, para uma taxa anual sazonalmente ajustada de 4,80 milhões.

O preço médio dos imóveis residenciais usados foi de US$ 168.300 em agosto, uma queda de 5,1% em comparação com os US$ 177.300 de um ano antes. Em julho, esse preço estava em US$ 172,0 mil. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
moradiaEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.