Venda de papelão ondulado atinge novo recorde anual

A indústria brasileira de papelão ondulado precisou de apenas 11 meses deste ano para superar o volume de vendas de todo o ano de 2009 e, de quebra, confirmar a expectativa de atingir um novo recorde anual de negócios. As vendas do setor até novembro somaram 2,342 milhões de toneladas, segundo dados divulgados hoje pela Associação Brasileira do Papelão Ondulado (ABPO). O resultado é 12,77% superior ao registrado no mesmo período de 2009.

ANDRÉ MAGNABOSCO, Agencia Estado

21 de dezembro de 2010 | 16h00

O volume de negócios entre janeiro e novembro também já é 3% maior do que o total vendido nos anos de 2008 e 2009, quando as vendas somaram 2,273 milhões de toneladas, no maior patamar da história do setor.

As vendas do setor em novembro alcançaram 217,828 mil toneladas, segundo dados atualizados hoje pela entidade. O resultado prévio apontava vendas de 217,752 mil toneladas. Com a revisão, o índice de vendas do setor em novembro ficou 2,30% inferior ao registrado em outubro deste ano. Já na comparação com novembro do ano passado, o volume de vendas teve alta de 3,29%.

Tudo o que sabemos sobre:
papelãovendaABPO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.