Vendas de aço no Brasil caem 8,2% em junho ante 2010

As vendas de aço no Brasil recuaram 8,2 por cento em junho frente ao mesmo mês de 2010, para 1,8 milhão de toneladas, informou nesta quinta-feira o Instituto Aço Brasil (IABr).

REUTERS

21 de julho de 2011 | 18h53

No acumulado do primeiro semestre, as vendas domésticas registram leve alta de 0,7 por cento sobre janeiro a junho do ano passado, para 10,9 milhões de toneladas.

A produção de aço bruto em junho somou 2,96 milhões de toneladas, alta de 3,9 por cento em relação ao registrado no mesmo período do ano passado. No semestre, a produção brasileira de aço foi de 17,72 milhões de toneladas, alta de 8,2 por cento sobre um ano antes.

As importações brasileiras de aço registraram um volume de 317,2 mil toneladas em junho, no total de 389,5 milhões de dólares.

No ano até junho, as importações de produtos siderúrgicos somam 1,73 milhão de toneladas, queda de 36,7 por cento em relação ao mesmo período do ano anterior. As importações de aço de janeiro até junho somaram, em valor, 2,06 bilhão de dólares, queda de 14,4 por cento ante os seis primeiros meses de 2010.

Já as exportações de aço em junho foram de 1,01 milhão de toneladas, volume 29,6 por cento superior a junho de 2010. As vendas externas no mês passado representaram, em receita, 810,2 milhões de dólares.

No acumulado do primeiro semestre, as exportações brasileiras de aço atingiram 5,64 milhões de toneladas, totalizando 4,27 bilhões de dólares.

(Reportagem de Anna Flávia Rochas)

Tudo o que sabemos sobre:
SIDERURGIAIABRJUNHO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.