Vendas do Grupo Casino cresceram 34% no 1.º trimestre

O Grupo Casino Guichard-Perrachon, empresa varejista da França, anunciou nesta quinta-feira que as vendas aumentaram 34% no primeiro trimestre, em bases anuais, para 11,7 bilhões de euros (US$ 15,2 bilhões). O movimento foi impulsionado pela compra de uma participação adicional do Grupo Pão de Açúcar, unidade da companhia no Brasil.

EQUIPE AE, Agencia Estado

18 de abril de 2013 | 13h53

O crescimento das vendas superou as expectativas dos analistas. As ações do Grupo Casino Guichard-Perranchon fecharam em alta de 0,07% na Bolsa de Paris. Os efeitos cambiais tiveram um impacto de -7,9% sobre a receita do Grupo Casino no primeiro trimestre por causa da desvalorização do real, afirmou o conglomerado francês.

Em critérios orgânicos, que excluem efeitos do câmbio, compras, vendas de gasolina e consequências de calendário, o grupo registrou um alta de 2,5% das vendas no primeiro trimestre, à medida que os negócios internacionais robustos ajudaram a compensar um novo declínio na receita na França. As vendas do Casino Guichard-Perrachon recuaram 4% no primeiro trimestre no país, em padrões anuais, para 4,3 bilhões de euros.

A receita dos negócios externos do Casino, que representam até 63% das vendas, subiu 74%, para 7,4 bilhões de euros nos primeiros três meses de 2013. Em bases orgânicas, as vendas estrangeiras subiram 8,3%, enquanto o faturamento avançou 8,7% na América Latina e se ampliou em 8,5% na Ásia. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
vendasCasinoBrasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.