AP
AP

Vendas do McDonald's em fevereiro têm queda maior que a esperada

Rede vem perdendo espaço para restaurantes menores e regionais, que são vistos como lojas com produtos mais frescos e de qualidade maior

REUTERS

09 de março de 2015 | 10h25

As vendas mundiais da rede de restaurantes McDonald's recuaram pelo nono mês consecutivo, com uma queda maior que a esperada de 1,7% em fevereiro. As vendas nos Estados Unidos, segundo analistas, sofreram impacto da "atividade agressiva da concorrência".

As vendas nos restaurantes da companhia abertos há pelo menos 13 meses recuaram 4% no mês passado, após terem crescido 0,4% em cada um dos dois meses anteriores - resultado que indica uma quase estagnação das vendas.

Analistas esperavam em média uma queda de 0,7%, segundo a empresa de pesquisa Consensus Metrix. A expectativa era de que as vendas nas mesmas lojas caíssem 0,3%.

O McDonald's vem perdendo fatias de mercado nos EUA para rivais como a Five Guys Burgers and Fries, a Chipotle Mexican Grill e outros restaurantes menores e regionais, que são vistos como lojas com produtos mais frescos e de qualidade maior.

"As necessidades e preferências de consumidores mudaram, e o desempenho atual do McDonald's reflete a necessidade urgente de evoluir com os consumidores de hoje, redefinir as prioridades estratégicas e restaurar o ímpeto dos negócios", disse a companhia em comunicado.

(Por Sruthi Ramakrishnan e Lisa Baertlein)

Tudo o que sabemos sobre:
MCDONALDS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.