Vendas dos shoppings crescem 17% em 2010, diz Abrasce

Entidade atribuiu a expansão à maior disponibilidade de crédito, ao aumento dos empregos formais e à ascensão das classes B e C 

Agência Estado,

25 de fevereiro de 2011 | 13h40

As vendas do setor de shopping centers do Brasil cresceram 17% em 2010, somando R$ 87 bilhões, segundo levantamento da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce). Em nota, a entidade atribuiu a expansão à maior disponibilidade de crédito, ao aumento dos empregos formais e à ascensão das classes B e C. Durante o ano passado foram inaugurados 16 shoppings.

A performance superou as estimativas da Abrasce, que apontavam para um aumento de 15% nas vendas. O presidente da associação, Luiz Fernando Veiga, lembra que no início do ano passado o setor previa um avanço de 12%. Esse número foi revisto para cima no segundo semestre. "Com o desempenho positivo mês a mês e a demanda aquecida no Natal, essa expectativa foi superada", diz Veiga.

Para 2011, embora mantenha a projeção de alta de 12% nas vendas, a entidade acredita que a economia e o varejo devem seguir crescendo. Atualmente, o País conta com 408 shopping centers e 9,5 milhões de metros quadrados em área bruta locável (ABL). A Abrasce prevê a inauguração de mais 25 shoppings neste ano, sendo 16 deles em cidades fora de capitais.

Tudo o que sabemos sobre:
shoppingvendasAbrasce

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.