Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Vendas no varejo no Reino Unido têm maior alta desde 2002

Volume de vendas pelo varejo britânico subiu 1,1% em abril em relação a março

Cynthia Decloedt, da Agência Estado,

19 de maio de 2011 | 08h39

As vendas no varejo subiram mais do que o esperado em abril no Reino Unido, após o feriado adicional pelo casamento real e as temperaturas mais quentes do que o normal no mês impulsionarem as vendas de alimentos, roupas e calçados. A libra esterlina reagiu favoravelmente ao dado, avançando para US$ 1,6187 às 8h23 (de Brasília), US$ 1,6166 de ontem no fim do dia em Nova York.

Segundo o Escritório Nacional de Estatísticas, o volume de vendas pelo varejo britânico subiu 1,1% em abril em relação a março e 2,8% em relação a abril do ano passado. É o maior aumento mensal para o mês de abril desde 2002.

Economistas esperavam elevação mensal de 0,7% das vendas e anual de 2,4%, segundo pesquisa conduzida pela Dow Jones. Em março, as vendas cresceram 0,3%, em base mensal, e 1,1%, em base anual, segundo dados revisados.

As vendas de roupas, produtos têxteis e calçados avançaram 2,2% em abril ante março, que assim como no mês de junho de 2009 marca a maior aceleração desde agosto de 2008. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
varejovendasReino Unido

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.