Vodafone negocia fatia em joint venture com Verizon

A operadora de telefonia britânica Vodafone confirmou que está negociando com a norte-americana Verizon Communications a venda de sua fatia de 45% na joint venture que controlam, a Verizon Wireless. A notícia impulsionou as ações da Vodafone, que subiam 8,30% na Bolsa de Londres por volta das 7h40 (de Brasília).

Agencia Estado

29 de agosto de 2013 | 08h58

Na noite de ontem o Wall Street Journal informou que as duas empresas haviam retomado as conversas sobre a venda, cujo valor seria de US$ 100 bilhões, segundo fontes. Depois de esfriarem nos últimos meses, as negociações parecem ter chegado a um patamar mais sério. De acordo com uma fonte, a Verizon está conversando com bancos sobre as dezenas de bilhões de dólares em empréstimos que precisaria para fechar o acordo.

Há anos a Verizon tenta comprar a fatia de 45% da Vodafone na Verizon Wireless, a maior operadora de telefonia celular dos EUA, mas as empresas nunca concordaram em relação ao preço. No início deste ano a Verizon estava disposta a pagar US$ 100 bilhões, enquanto a Vodafone queria receber cerca de US$ 130 bilhões. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
VodafoneVerizon

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.