Voestalpine mantém projeção de lucro mais alto no ano

A siderúrgica Voestalpine manteve sua projeção para lucros operacionais maiores neste ano financeiro, mesmo após exclusão de ganhos não recorrentes, apesar de um ambiente de negócios difícil na Europa.

REUTERS

05 de novembro de 2014 | 12h19

A empresa austríaca disse nesta quarta-feira que o lucro antes de juros e impostos (Ebit) em seu segundo trimestre fiscal até o fim de setembro alcançou 226 milhões de euros (283 milhões de dólares), acima da estimativa média de 197 milhões de euros em uma pesquisa da Reuters.

O lucro principal no período de três meses, no entanto, foi impulsionado por 45,2 milhões de euros em itens não recorrentes, envolvendo vendas de ativos em sua unidade de formação de metais e uma reestruturação de pensões.

A companhia disse que os itens não recorrentes do segundo trimestre ajudaram a compensar uma leve queda nas vendas em seu primeiro semestre fiscal como um todo. Os produtos de aço especializado da companhia para negócios de automóveis e energia geram mais de 60 por cento das receitas.

A companhia disse que o lucro operacional no primeiro semestre fiscal cresceu 12,2 por cento, para 444,7 milhões de euros, enquanto a receita caiu 1,5 por cento, a 5,56 bilhões de euros.

"Apesar do ambiente de negócios mais difícil, predominantemente na Europa, a Voestalpine deve conseguir melhorar a lucratividade pelo menos um pouco em comparação ao ano passado, mesmo sem levar em conta efeitos positivos não recorrentes", disse a companhia.

(Por Shadia Nasralla)

Tudo o que sabemos sobre:
SIDERURGIAVOESTALPINERESULTS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.